quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Sugestão para a preservação da história de Campos

Interessado em conhecer mais sobre a história de nossa Campos, descobri que o mais completo e detalhado trabalho sobre o assunto continua sendo A Terra Goytacá, escrito na primeira metade do século XX por Alberto Lamego, mas que hoje se tornou, infelizmente, uma raridade. Dada a relevância da obra, seria interessante que o Governo Municipal patrocinasse sua reedição e estimulasse o conhecimento da nossa pouco conhecida história. Para quem deseja conhecer um pouco mais de Alberto Lamego e suas obras, vale a pena dedicar alguns minutos à leitura do seguinte artigo:

4 comentários:

Marcus Filgueiras disse...

Cleber,

1. A sua iniciativa nessa área é importante e a sugestão para o governo municipal é muito boa.

2. Quem dá valor à cultura e à ciência sai na frente mesmo. O Governo Paulista levou a coleção Alberto Lamego.

3. Lamento que Campos, com o orçamento gigante que possui, não tenha sequer uma boa biblioteca.

Anônimo disse...

Cleber,

Ficamos maravilhados com o artigo mencionado em seu post.
Sou Campista, mas não sabia da existência desse trabalho de valor histórico para nossa Campos.
Precisamos sensibilizar as autoridades do governo municipal para a tornar público esse tesouro sobre nosso passado.
Conforme o post a PMCG deveria através da reedição do material e o estimulo ao conhecimento do mesmo, resgatar o passado.
Sem nosso passado, perdemos o referencial que nos identifica.
Muito importante o post.

Parabens e obrigado Cleber Tinoco !

Genilson disse...

Acredito que o empecilho seja os direitos autorais, pois a lei brasileira garante por 70 anos após a morte do autor. Lamego faleceu em 1951 e portanto a suas obras estão protegidas até janeiro de 2022. Caberia a municipalidade negociar com a família e garantir a reedição da obra. Tenho duas coleções desta obra que consegui garimpar pelos sebos do Brasil e do mundo.

Cleber Tinoco disse...

Genilson,

Tem razão no que toca aos direitos autorais, por isso mesmo a minha sugestão de o Governo Municipal patrocinar a reedição da obra.