segunda-feira, 10 de novembro de 2008

"Preservar o emprego de quem realmente trabalha"

Com relação aos trabalhadores terceirizados demitidos, Rosinha teria declarado que pretende lutar para preservar o emprego de quem realmente trabalha. É lamentável a declaração da prefeita eleita, talvez esteja sendo mal assessorada. Esta política, além de não gerar bons frutos, desagrega ainda mais a sociedade. É preciso criar o costume do respeito à lei, sob pena de a desordem tornar-se irreversível. O governante deve buscar o pleno emprego na iniciativa privada, não às custas do contribuinte e do cidadão que luta por uma oportunidade através do concurso público. Se prestigiar o movimento dos Sem-Concurso, logo terá que fazer o mesmo com o Movimento do Também-Quero, que hoje conta com muitos integrantes. Só há, porém, um movimento legítimo e de acordo com a Constituição Federal (Lei Maior), é o Movimento do Concurso-Já, cuja causa, Rosinha, você deve abraçar com entusiasmo. Nada, absolutamente nada, justifica a contratação sem concurso público ou sem processo seletivo simplificado.

8 comentários:

Professora Hilda Helena disse...

Concordo com você quando diz que essa política,além de não gerar bons frutos,desagrada ainda mais a população!Está aí um alerta para os assessores da prefeita eleita!!!Gostaria de aproveitar a postagem para levantar a questão que envolve os diretores das escolas públicas,aí também há um grande "Movimento do Também-Quero"!Acredito que alunos,professores,pais,funcionários merecem escolher quem irá dirigir a Unidade Escolar!Sou professora,não tenho interesse em direção escolar,mas não aguento mais ver a política eleitoreira infiltrada nas escolas impedindo a mesma de cumprir com o seu papel social,não é `toa que somos o município que mais investe em educação e conseguimos ser o pior do Estado do Rio de Janeiro!!!

Anônimo disse...

Atualizaaa o blog..ja Viu nova noticia sobre os terceirizados!!! Fonte: Site da Prefeitura http://www.campos.rj.gov.br/ Onde o Sec. de Administração falou q segundo o prefeito todos devem esperar ate dia 11 pois ele acredita que o ministro despache a reclamação ainda nesta segunda-feira (10), ou seja, derrube a decisão tomada pelo juiz do trabalho.Muito bom. QUE VOLTEM OS TRABALHADORES

Xacal disse...

A professora tocou em um ponto-chave...

A contaminação da administração escolar pelos interesses político-partidários é nefasta ao processo educacional...

Anônimo disse...

Concordo com vc quando diz sobre o concurso ou um processo seletivo simplificado, pois nem todas as áreas será tão fácil se fazer concurso, como é o caso dos agentes comunitários do PSF, onde um processo seletivo simplificado realmente atenderia bem melhor do que um concurso, pois no processo poderíamos ter experiências dessas pessoas com a comunidade, pois trabalhar dentro de comunidades não é nada fácil!!!!!!Gostaria muito que todos fossem unidos para resolver realmente a situação de campos, e não ficar nesta guerrinha política, sem pensar nas pessoas que estão desempregadas e principalmente nas que perderam os seus atendimentos, os quais já eram muito precários diga-se de passagem!!!!!!!!
Vamos lutar pelo concurso sim, mais vamos ficar de olhos bem abertos para a realização deste concurso, para que não haja "padrinhamentos", pois daí de nada adianta o concurso, vai continuar tudo na mesma, quando a firma que irá realizar o concurso não for uma firma de respeito e de crédito.
Concorda?????????
Vamos nos unir precisamos de pessoas que cobrem os direitos, não podemos mais deixar estas coisas absurdas acontecerem na nossa cidade, somos cidadão , pagamos nossos impostos, e queremos saber de tudo, mais saber com transparência!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Muito bem colocado Dr. Cleber.
Mas o que parece é que a política desta cidade é sempre a mesma, só muda o personagem principal. Os governantes desta cidade já sentiram que empregar a população e apadrinhados rende muitos votos e isto vem desde o governo garotinho. Não vai ser agora que o governo rosinha vai mudar esta política. é esperar e ver a máscara cair.
Abraços
Neil Peart

Anônimo disse...

DESDE A CONSTITUIÇÃO DE 1946 SE EXIGE CONCURSO PÚBLICO PARA O INGRESSO NO SERVIÇO PÚBLICO.

ESPERO QUE O MINISTÉRIO PÚBLICO CONTINUE VIGILANTE, QUE CONTINUE A EXIGIR O CUMPRIMENTO DA CONSTITUIÇÃO. QUE COMBATA A TERCEIRIZAÇÃO, QUE LUTE CONTRA O CABIDE DE EMPREGO.

SE DEPENDER DOS POLÍTICOS A BAGUNÇA, AS SINECURAS, AS COMILANÇAS VÃO CONTINUAR.

Anônimo disse...

acabei de ouvir agora do sr. garotinho, uma piada !!! o sr garotinho está pensando q o povo de Campos é bobo. ele vem com essa politica arcaica de 15 anos atras, politica coronelista, querendo implantar de novo em campos. Que coisa mais ridicula, essa do sr pequenininho. Olha só o q ele aconselhou: para q a rosinha junto com os 3 interessados possa abrir uma Fundação para contratar esses terceirizados como CLT. Q que isso? Ainda bem q Dr. écio n concordou. N adianta quererem botar a unha de fora, pq n vai dar certo. eh - ouviu eh.

Marcelo disse...

Vão procurar o que fazer, pois tempo vcs tem, agora que acabou a boquinha!